sábado, 20 de fevereiro de 2016

ESPELHO



                Toda foto tem uma história. Quase sempre banal, mas sempre sentimental para o autor, naturalmente. Esta foi feita em Praga, República Tcheca. Errei a entrada do Convento de Strahov (novidade!) e entrei em um caminho ladeado por um muro e um alambrado. Achei que era o parque do convento e depois percebi que era um caminho em um bosque. Havia poucas pessoas por lá. Depois de andar uns 15 minutos resolvi perguntar, mas logo desisti porque as duas pessoas que abordei não falavam inglês. Continuei mais um pouco e então desisti. Ao me voltar deparei com essa imagem maravilhosa e a porta que me reconduziu ao destino inicial. Fiz a foto e por um triz quase fui atropelada por uma lebre perseguida por um cão. Tudo isso para conhecer uma biblioteca barroca! 2008.

Nenhum comentário:

Postar um comentário