quinta-feira, 4 de agosto de 2016

FLORES, MÚSICA E POESIA
(Casas paulistanas)

A Casa das Rosas, situada no início da Avenida Paulista, foi projetada, no final da década de 1920, pelo arquiteto Ramos de Azevedo para ser a residência da sua filha Lúcia, recém-casada com o engenheiro e empresário Ernesto Dias de Castro (1873-1955). Ramos de Azevedo morreu em 12 de junho de 1928. A obra, concluída sete anos depois, tem a assinatura de Felisberto Ranzini (1881-1976), responsável por projetos importantes da cidade, como o Mercado Municipal.
A casa de estilo eclético foi construída numa área de 5.500 metros quadrados, tem 30 cômodos no estilo arquitetônico francês. Um grande vitral decora o hall de entrada, iluminando a escadaria. A atração do espaço é o jardim com o roseiral, que inspirou o nome da casa. Lúcia e Ernesto viveram 51 anos na casa, que depois se tornou a residência do casal Ernesto Dias de Castro Filho e Anna Rosa.
Habitada até quase o final da década de oitenta do século passado, a casa foi desapropriada pelo Governo do Estado, quando foi tombada pelo CONDEPHAAT em 22 de outubro de 1985 e no ano seguinte teve início a restauração que levou cinco anos e em março de1991 a Secretaria de Estado da Cultura inaugurou a “Casa das Rosas”, denominação que ressalta o amplo jardim que circunda o prédio. O espaço destinado a mostras temporárias do acerto artístico do Estado funcionou até março de 2003, quando a casa foi fechada para reforma, sendo reaberta em dezembro de 2004 com nova proposta. A Casa das Rosas recebeu o acervo da biblioteca do poeta, tradutor e ensaísta Haroldo de Campos (1929-2003) e lá funciona o Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura.  
A Biblioteca Circulante tem um acervo de três mil livros, especialmente literatura e poesia brasileiras. Os interessados devem apresentar RG, comprovante de endereço e uma foto 3x4. A livraria também especializada em poesia reúne autores clássicos e novos. O acervo de Haroldo de Campos (20 mil volumes) pode ser consultado por pesquisadores mediante solicitação prévia.
A Casa das Rosas mantém uma agenda de eventos bastante concorrida.

Saguão. Foto de HPA por Judite Vasconcelos.


Casa das RosasAvenida Paulista, 37.

Nenhum comentário:

Postar um comentário