segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

SAUDADE DE BRAGUINHA
             
             Carlos Alberto Ferreira Braga ou simplesmente Braguinha (1907-1996) é um dos grandes compositores brasileiros e, embora seu nome seja mais ligado ao carnaval, ele tem uma obra variada - é o autor da letra de “Carinhoso”, a maravilhosa composição de Pixinguinha. A partir de 1929 adotou o pseudônimo de João de Barro.
             Deixa a lua sossegada é uma marcha composta em parceria com Alberto Ribeiro. Carnaval de 1935. Gravação: Orquestra Diabos do Céu e Almirante.

DEIXA A LUA SOSSEGADA
 
É madrugada,
De longe eu vim.
Deixa a lua sossegada
E olhe pra mim! (Bis)

A lua malcriada, quando passa,
Espia na vidraça
Dos quartos de dormir,
Zombando dos casais enamorados,
Quase sempre descuidados,
Ela fica sempre a rir.

Não quero mais saber de ver a lua,
Que passa pela rua
Roubando a escuridão.
Prefiro ver você sem ver a lua,
Contemplando a imagem sua
Bem juntinho ao seu portão.

Se não houvesse lua, eu asseguro,
O mundo no escuro,
Seria muito bom.
Um beijo começava em Realengo,
Esquentava no Flamengo

E acabava no Leblon!

Nenhum comentário:

Postar um comentário