terça-feira, 29 de novembro de 2016

NATIVIDADE E ARTE
O primeiro registro da celebração do Natal data de 354 e a mais antiga representação pictórica do nascimento de Jesus são os sarcófagos de Roma e da Gália do sul da mesma época. A narrativa da natividade é baseada nos Evangelhos (Mateus e Lucas) e sempre tem os Reis Magos (sábios), a cena do estábulo com Jesus, Maria e José e o recebimento dos presentes pelos visitantes que encontraram a família graças a uma estrela guia. O tema sempre cativou artistas que o registraram em pinturas, esculturas, afrescos, vitrais e livros etc. A tradição dos presépios (estatuária) foi popularizada por São Francisco de Assis (1182-1226), mas provavelmente se originou em Roma.

Sarcófago de Roma. 

Iluminura alemã, c. 1220.




Nenhum comentário:

Postar um comentário